Pescar é enfrentar saudáveis desafios, é fazer amizades, é conhecer novos lugares e abrir novos horizontes. É conviver com a natureza. É ser companheiro.

terça-feira, 28 de maio de 2013

Os peixes sentem dor?

Este tema foi sempre alvo de controvérsias. Sendo aceite que a sensação de dor é uma das condições indispensáveis para a sobrevivência de uma espécie, segundo a opinião dos biólogos, os "defensores dos animais", que também comem carne e peixe, sempre usaram o argumento da "dor provocada pelos pescadores aos peixes" na pesca lúdica ou desportiva, para condenarem esta prática.

Certo é que o conceito de dor nos humanos e em todos os mamíferos, que têm uma área especializada do cérebro e terminais nervosos que servem unicamente para a transmissão da dor, não pode, de modo nenhum, ser comparável ao dos restantes seres vivos. Veja-se, por exemplo, uma largartixa à qual se corta a cauda, um insecto a que se arranca a cabeça ou as patas e cuja reacção é de defesa ou fuga, reacções que são uma resposta fisiológica natural a uma situação ameaçadora, segundo os neurobiologistas, pela ausência de terminais nervosos suficientes para transmitirem dor ou sofrimento.



Bem, há também quem acredite que apenas os seres com alma têm a capacidade de sentir tanto a dor física como todo o outro tipo de dores, incluindo os mamíferos nos seres com alma, mas isto são outras discussões...

Um estudo levado a cabo por cientistas da Universidade de Wisconsin (EUA) e publicado no jornal científico Fish and Fisheries acaba de concluir, de forma categórica, que os peixes são incapazes de sentir dor, mesmo quando fisgados com anzol e submetidos a lutas prolongadas com o pescador. De acordo com o referido estudo, quando um peixe se debate após ser fisgado, está apenas a reagir de forma mecânica e inconsciente, sem sofrer qualquer tipo de dor.




Foram efectuadas experiências durante as quais se inseriram agulhas com veneno de abelha e ácido em espécimes de truta arco-íris e, apesar de terem sido injectadas grandes quantidades destas substâncias,  que causariam dores horríveis a seres humanos, as trutas não mostraram qualquer sensação, pelo que é altamente improvável que um peixe possa sentir dor, segundo Jim Rose, professor de zoologia e biologia da instituição, que coordenou o estudo.

Apesar das conclusões deste estudo. os seus responsáveis apelaram aos pescadores para que os peixes sejam tratados com respeito.

Os peixes e todos os animais, acrescento eu.

1 comentário:

LA ANTILLA Pescatotal disse...

Soy pescador desde niño y nunca me había planteado la cuestión del dolor en los pesces
Se me plantea una pregunta
Por qué la lucha es menor cuando el anzuelo se le clava en el estómago ...... no es por dolor?
La verdad es que depues de leer esta entrada, desconozco la respuesta a esta pregunta
Saludos