Pescar é enfrentar saudáveis desafios, é fazer amizades, é conhecer novos lugares e abrir novos horizontes. É conviver com a natureza. É ser companheiro.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

O maior robalo da minha vida ( 9 kgs )

Mais uma vez uma pescaria com o amigo Estica.
Praia, noite de chuva, chumbadas de 150grs a correrem a norte, os estralhos muito direitinhos, embora os meus se enrolassem um pouco de vez em quando devido às pérolas junto ao anzol.


Estávamos na conversa, já a desanimar, a levar com água na cara , era do mar, era da chuva e sem nenhum toque.
Quando olhei, mais uma vez, para a minha linha, vi que que em vez de estar esticada estava a 90º da direcção onde deveria estar! Peguei na cana e comecer a enrolar, mas apenas senti um peso morto, que ia aumentando à medida que puxava e já pensava cá para comigo "isto deve ser é uma raia".
Fui puxando e caminhando pela praia, até que o menino se lembrou de começar a mexer-se.... e meus amigos, isto não bate como uma dourada nem nada que se pareça - quando ele queria ir....ia mesmo e o drag cantava que se fartava!
Acreditem que tirei um curso de como tirar um peixe grande...sózinho ! Uma luta muito interessante....o peixe queria ir e eu com medo de que o meu fio 0,20 não aguentasse, abria o drag, fechava-o um pouco, deixava bater, fechava-o e puxava e voltava a abrir quando o peixe seguia mar dentro !!!

Depois de cerca de 25 minutos de luta conseguir tirá-lo da água - com o tamanho que tinha pensei, inicialmente, que se tratava de uma corvina.
Cortei o fio e não consegui pescar mais - estava todo a tremer e a morrer de felicidade com aquele sentimento que todos conhecemos! Foi, até ao momento, o robalo da minha vida - tinha 9 kgs.

Fotos e texto: Tiago Pacheco

3 comentários:

juanrra disse...

Maravillosa pieza,es uno de mis sueños.Enhorabuena el tuyo se a cumplido.
Un Abrazo.

Rebolo disse...

Muitos Parabéns,
Momentos desses são difíceis de esquecer certamente.
Que belo bicho sim senhora, continuação de boas fainas

Anónimo disse...

Grande Robalão amigo!!! Assim até dá gosto apanhar chuva e frio. Parabéns e uma abraço. Cabé